Seja Sábio…

Postado em

Seja sábio, meu filho e traga alegria ao meu coração; poderei então responder a quem me desprezar. O prudente percebe o perigo e busca refúgio; o inexperiente (insensato) segue adiante e sofre as conseqüências.  Provérbios 27:11-12
Na questão de sermos sábios, se olharmos apenas aqui, isto nos parece ser uma responsabilidade nossa – ‘seja sábio’. Porém, temos outras passagens que esclarecem mais isto. Tiago nos diz: “Se algum de vocês tem falta de sabedoria, peça-a a Deus que a todos dá livremente, de boa vontade; e lhe será concedida. Peça-a, porém, com fé, sem duvidar…” (Tg. 1:5,6a). Este verso nos deixa claro que a fonte de sabedoria está em Deus e que é obtida através da fé. É claro que é nossa a escolha de confiarmos no Senhor para obter sabedoria.

Em Provérbios 3:6 “Reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e Ele endireitará as suas veredas.”, somos instruídos a “reconhecer Deus”, ou seja, incluir Deus, ou estarmos atentos a Deus, em todas as áreas das nossas vidas. Daí, entendemos que, o fato de estarmos atentos a Deus, aos seus princípios, às suas instruções, é isto que vai nos trazer a sabedoria que precisamos para traçarmos caminhos retos nas nossas vidas.

A segunda parte do verso onde fala de alegria e de ter resposta para os que querem nos desprezar, pode ser aplicado para nós, como pais ou mentores, ou para Deus, que é o nosso Pai. Quando aplicamos para nós mesmos, entendemos facilmente a significância e quando pensamos como isto aplica para Deus, somos lembrados do relato sobre Jó (Jó 1:8-11; 42:7,8). Deus tinha prazer no seu servo Jó.

O sábio, o que se atenta para as instruções do Senhor, sabe quando é hora de se esconder do mal, em vez de seguir adiante até SOFRER com as conseqüências. Assim ele traz alegria ao seu Senhor.
Daniel Royer MNTB